GULFSTREAM G500 CHEGA À EUROPA PELA PRIMEIRA VEZ PARA PARTICIPAR DA FARNBOROUGH INTERNATIONAL AIRSHOW

Quarta aeronave de teste do modelo G500 faz o primeiro voo transatlântico do programa
Categories: G500

SAVANNAH, Geórgia, 8 de julho de 2016 — Esta semana, o novo G500 da Gulfstream Aerospace Corp. cruzou o Atlântico e pousou em solo europeu pela primeira vez para participar da exposição estática da empresa na Farnborough International Airshow de 2016.

O voo sem escalas entre o Aeroporto Internacional Hilton Head, em Savannah, e o Aeroporto de Farnborough durou 6 horas e 55 minutos e teve uma distância de 6.912 km (3.732 milhas náuticas), a uma velocidade média de Mach 0,90 e altitude de 13.716 metros (45.000 pés). Os pilotos da Gulfstream Scott Evans, Brian Dickerson e Sean Sheldon estavam na cabine de comando com os engenheiros do programa de teste de voo Darren Klaus e Ray Beach a bordo.

“Desde o primeiro voo do G500 em maio de 2015, mantivemos a constância na expansão da frota de teste e no progresso rumo à certificação da aeronave em 2017”, conta Mark Burns, presidente da Gulfstream. “É uma alegria poder levá-lo a Farnborough para expor para nossos clientes a excelência em segurança, desempenho e conforto desse modelo.”

O G500 que participa da feira de Farnborough é a quarta aeronave de teste e é a base para o teste de aviônicos, de ingestão de água e sistemas selecionados (água/detritos, iluminação, proteção contra fogo).

Até hoje, a frota de teste do G500 já fez mais de 300 voos e ultrapassou 1.280 horas de voo. A aeronave já alcançou a velocidade máxima de Mach 0,995 e a altitude de 16.154 m (53.000 pés). O voo mais longo do modelo durou 7 horas e 35 minutos.

O interior da quinta aeronave de teste, a P1, está sendo montado no Centro de Acabamento de Savannah para testar o formato, o tamanho e o funcionamento de diversos elementos da cabine.

Nesta etapa do programa, as aeronaves de teste de voo do G500 já concluiram a expansão do envelope de voo, que contemplou flutter, altitude, Mach e temperatura, também já foram testadas as qualidades de manobras iniciais, estol e formas de gelo.

A Gulfstream já conduziu mais de 50.000 horas de teste em solo em seus laboratórios de ponta para assegurar o desenvolvimento contínuo do modelo. A empresa concluiu recentemente o teste de carga final, no qual o artigo de teste estrutural recebeu mais de 150% da carga limite do modelo. Em breve, terá início um programa multianual de fadiga estrutural que simulará a operação da aeronave por um período equivalente a três vidas úteis do modelo.

Espera-se que o G500 receba a certificação de tipo em 2017 e passe a ser comercializado em 2018. O G600 deve entrar em serviço em 2019.

O G500 tem um alcance de 9.260 km (5.000 milhas náuticas) a uma velocidade de Mach 0,85 ou 7.038 km (3.800 mn) a Mach 0,90. Já o G600 pode transportar passageiros por 11.482 km (6.200 mn) a Mach 0,85 e 8.890 km (4.800 mn) a Mach 0,90. A velocidade operacional máxima de ambos os modelos é de Mach 0,925, a mesma do G650 e do G650ER.

NOTA AOS EDITORES

A Gulfstream Aerospace Corporation, uma subsidiária integral da General Dynamics (NYSE: GD), projeta, desenvolve, fabrica, comercializa e presta serviços de manutenção e assistência aos jatos executivos com as tecnologias mais avançadas do mundo. Desde 1958, a Gulfstream já produziu mais de 2.500 aeronaves para clientes no mundo inteiro. Para atender às diferentes necessidades de transporte do futuro, a empresa oferece uma frota ampla de aeronaves, composta pelos modelos Gulfstream G150TM, Gulfstream G280TM, Gulfstream G450TM, Gulfstream G550TM, Gulfstream G500TM, Gulfstream G600TM, Gulfstream G650TM e Gulfstream G650ERTM. A Gulfstream também oferece serviços de aquisição de aeronaves através do programa Gulfstream Pre-Owned Aircraft SalesTM. Convidamos você a acessar nosso site para obter mais informações e fotos na página www.gulfstreamnews.com.

Mais informações sobre a General Dynamics estão disponíveis em www.generaldynamics.com.

image description